Sobre

Criado em janeiro de 2015, a primeira edição do Floripa Chess Open ocorreu no ginásio Rosendo Lima do Instituto Estadual de Educação de Santa Catarina, e foi marcado pelo forte calor dentro e fora dos tabuleiros, numa das maiores ondas de calor da história de Florianópolis. A competição teve 261 jogadores, e se consolidou no cenário dos maiores torneios de xadrez do Brasil. Foi vencida pelo GM uruguaio Andrés Rodriguez, com 8,5/10.

Floripa Chess Open 2015 – Chess-Results

Foto da premiação do I Floripa Chess Open!

Em Janeiro de 2016, o torneio bateu seu primeiro recorde de público, com 298 de 9 países, e contou com a participação do maior enxadrista da América do Sul em atividade, o lendário grande mestre peruano Julio Granda, que venceu o certame com 8,5/10. Esse ano ficou marcado também pela transição para o salão ônix do Lira Tênis Clube, um dos clubes mais tradicionais do estado, no coração da capital catarinense.

II Floripa Chess Open 2016 – Chess-Results

Granda x Delgado, grandes momentos do Floripa Open!

Em janeiro de 2017 a terceira edição do Floripa Open recebe nada menos que o Fire on Board! Alexey Shirov, um dos grandes nomes do xadrez mundial, frequentou os salões do Lira Tênis Clube. Essa edição também ficou marcada pelo retorno da lenda brasileira Henrique da Costa Mecking, o Mequinho, que fez partida antológica contra Shirov pela oitava rodada, concluindo num lutadíssimo empate. A despeito da presença desses dois gigantes, o título ficou com outro gigante da américa do Sul, o paraguaio Axel Bachmann, que fez 8,5/10, mas venceu Shirov no confronto direto. 404 jogadores de 13 países consolidaram um novo recorde do maior torneio de xadrez aberto do Brasil.

III Floripa Chess Open 2017 – Chess-Results

Os GM’s Neuris Delgado e Axel Bachmann, sob os olhos atentos do lendário Alexey Shirov.

Em janeiro de 2018, 416 jogadores de 14 países se reuniram para a quarta edição do Floripa Chess Open. Um dos destaques infelizmente foi negativo, com a ausência do convidado especial Francisco Paco Vallejo. Paco, como ficou sabido pouco depois por toda comunidade enxadrística mundial, passa por sérias dificuldades pessoais. Independente disso, os jogadores presentes não deixaram de fazer uma enorme festa do xadrez latino. A vitória, pela primeira vez, repetiu de jogador, e o primeiro bicampeonato do Floripa Open foi para o experiente Andrés Rodriguez, maior jogador de xadrez da história do Uruguai.

IV Floripa Chess Open 2018 – Chess-Results

O bicampeão do Floripa Open, GM Rodriguez (URU), pela lente do jornalista Albert Silver.

Em 2019, o maior torneio de Xadrez do Brasil apresenta sua quinta edição! No quinto Floripa Chess Open o convidado de honra é você! Confira as demais informações no folder e faça parte desta festa!

V Floripa Chess Open 2019.